Palestra sobre moda enche auditório

Por Lucas Jensen

No primeiro dia de atividades do nosso Meetcom, a mediadora Gabriela Menta recebeu o fotógrafo Gutyerrez Erdmann da revista Seven, a blogueira Vicky Christine e a consultora de imagem Mariana Assad.

DSC_0089
Antes da palestra, o mágico Botura entreteu o público com o seu show de mágica com cartas e até chamou dois integrantes da plateia para participar do seu número (Foto: Luis Otávio)

O encontro foi um bate-papo sobre o papel da moda na sociedade atual e as transformações que ocorreram com o avanço da tecnologia e mídias sociais. Todos participaram muito bem, abordando os vários aspectos do mundo das passarelas.

DSC_0097
Gutyerrez (dir.) e Gabriela Menta (centro) participaram do bate-papo nesta quarta-feira (24) (Foto: Luis Otávio)

Num clima gostoso de apresentação do mundo da moda, principalmente para os leigos, os convidados foram muito participativos respondendo perguntas do público.

Um dos tópicos mencionados foi o da “moda sem gênero”, que não significa o mesmo “corte” para roupas masculinas e femininas e sim roupas que transcendam a parte ideológica, por exemplo, do homem de calça e a mulher de vestido.

DSC_0143
Revista do fotógrafo Gutyerrez foi distribuída ao final da palestra (Foto: Luis Otávio)

Mariana Assad foi muito feliz na colocação de que a moda está sempre em movimento, sempre se atualizando e se transformando, assim como as pessoas.

Tema polêmico que também foi tratado é o chamado “bom gosto”. Afinal, pra se vestir bem precisa de dinheiro? E quem não pode pagar roupas caríssimas de grife? Os convidados foram unânimes em dizer que dinheiro não é o fator mais importante na hora de escolher um look ou de comprar um acessório e sim o bom gosto e o bom senso. É isso que Vicky tenta fazer no seu blog: “Podemos ser fashion sem roupas caras, a moda precisa ter a essência de cada um”, comentou ela.

DSC_0096
A blogueira Vicky (dir.) dividiu a mesa com a consultora de imagem Mariana Assad (esq.) na palestra (Foto: Luis Otávio)

Já Mariana Assad considerou o “bom gosto” como relativo, devido ao fato de que cada indivíduo se relaciona com a moda de uma determinada maneira agradeceu o advento das redes sociais pela facilidade de opiniões e maneiras de combinar peças existente no mundo virtual, o que pode ajudar a criar o próprio estilo de cada um.

A individualidade, além da relação da moda com o mundo digital, foi um tópico bem discutido pelos convidados. Com muita paixão e gosto pelo que fazem, foram unânimes em dizer que a importância da moda, além da autoestima, se reflete em como você se apresenta para o mundo e como o mundo vê você.

Vendo por esse ângulo, até quem não entende de moda se sente capaz de “criar” seu próprio estilo e, com isso, se reinventar diariamente.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s